Music Chemistry #1 – Centro Cultural D. Dinis

Carregando Eventos
  • Este evento já passou.

Music Chemistry #1 – Centro Cultural D. Dinis

Amulador (Orbits – Gare Porto – A Alice)
David Rodrigues (Cosanostra Coimbra)
RLVS (Music Chemistry, NAME)
INT MPRL b2b Frederico Martinho (Volúpia)

– DAVID RODRIGUES
Natural de Coimbra, é um dos dj’s e promotores mais persistentes e dedicados na sua cidade natal pelo trabalho que desenvolve há 18 anos na divulgação de música electrónica. Com ligações íntimas às produtoras Cosanostra, TNTclub e Soniculture, foi co-produtor do festival Senses para o Teatro Académico Gil Vicente (2008/2009) e um dos principais responsáveis pelos eventos Beyond que trouxeram a Coimbra artistas de renome mundial e nacional. É realizador e locutor da Rádio Universidade de Coimbra desde 1999, tendo sido colaborador de vários programas de música electrónica e onde agora é responsável pelo Pangrama. A procura constante de novas sonoridades, um gosto refinado aliado à habilidade em misturar músicas, traduz-se em sets intensos e envolventes. Para além das actuações a solo, David Rodrigues também se apresenta como Hedonic 2, quando se junta ao MC Gil Mac, como Duodub, ao lado de Marco Graça e The Lions ao lado de Afonso Macedo.

– AMULADOR
Amulador é uma entidade em movimento. Circunspecto, activa o mecanismo e engrena no desconhecido. Longe dos hypes e da figura iluminada do DJ, atira o protagonismo para as colunas, entrega música arriscada e inconformista, captando as orlas mais abstractas e pulsantes da música tecnológica actual. Viagens a várias velocidades conjugam várias perspectivas ora melódicas e subtis, ora rítmicas e contundentes. Passeios desviantes em paisagens peculiares são pontuados por miragens de expectação, abrindo portas para a fantasia cinemática.
Amulador retorce o nome na sombra e ataca pela calada, desenrolando um continuum musical sem precedentes. Poderão avistá-lo raramente, mas firme no seu posto de sentinela.

– RLVS
Atraído pelo pulsar do diversificado e complexo panorama da música electrónica João Relvas deixou-se mergulhar para o absorver e acrescentar o seu próprio imaginário.
Em 2017 inicia-se uma nova identidade, evidenciando-se um distanciamento estético em relação à anterior traduzido por uma magnética e complexa pulsação cinemática adornada por profundas e alternadas melodias que prometem fazer viajar a diferentes velocidades e perspectivas. Caoticamente ordenada e fantasiosa, a música de RLVS abre as portas para um contínuo imaginário espinhosamente sensível, regulado pelo abstracto e pelo obscuro.

– FREDERICO MARTINHO
Um dos responsáveis pela Volúpia, Frederico, surge na cena coimbrã movido pelo apetite de novas atmosferas. Presença habitual nas festas techno e coleccionador de horas de pista, eleva ao máximo o significado de amador quando transporta para Coimbra os blocos de som e imagem que acompanhou apaixonadamente entre Londres e Berlim, destacando-se pelas suas selecções musculadas e introspectivas

– INTMPRL
Tiago Soares, também membro do movimento Volúpia, apaixonado por música, desde cedo percorre o país de norte a sul, ao encontro da sua paixão. Em 2015, decide começar as suas próprias criações sonoras e a interessar-se pelo “DJing”. Surge então o seu primeiro projecto – INTMPRL (Intemporal) – focado em ritmos hipnóticos e ambiências envolventes, que nos conduzem numa viagem desde a primeira faixa até à ultima.

BILHETEIRA -> à porta do evento -> 5EUR.

fevereiro 16 2018

Detalhes

Data: fevereiro 16
Hora: 12:00 pm - 3:00 pm
Custo: 5€
Evento Categorias: , , , , ,
Evento Tags:
Website: Visitar Website do evento